Cinema Brasileiro Contemporâneo e Subalternidade: Impasses da Representação

Main Article Content

Marinyze das Graças Prates de Oliveira

Abstract

 

Resumo: Este artigo busca refletir sobre a emergência, no cinema brasileiro produzido nas duas últimas décadas, de um expressivo número de filmes que tematizam a questão da subalternidade. Priorizamos aqui a análise de Uma onda no ar (Helvécio Ratton, 2002), com a finalidade de examinar os impasses da representação de comunidades periféricas — situadas nas margens da nação — pela cinematografia contemporânea.

Abstract: This article aims to reflect about the emergency of an expressive number of Brazilian films, produced during the last two decades, which thematize the question of subalternity. We prioritize here the exam of Uma onda no ar, directed by Helvécio Ratton (2002), in order to analyze the impasses that involve the representation of peripheral communities — located in the borders of the nation — by the contemporaneous cinematography.

 

Article Details

How to Cite
Prates de Oliveira, M. (2013). Cinema Brasileiro Contemporâneo e Subalternidade: Impasses da Representação. Brasiliana - Journal for Brazilian Studies, 2(1), 124-141. https://doi.org/10.25160/v2.i1/ga.1
Section
General Articles
Author Biography

Marinyze das Graças Prates de Oliveira, Universidade Federal da Bahia

Professora do Instituto de Humanidades, Artes e Ciências Professor Mílton Santos e do Programa de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade, ambos da Universidade Federal da Bahia-Brasil. Coordenadora do Grupo de Pesquisa em Cultura e Subalternidades.