A divisa como conexão: representações da fronteira em documentário

Main Article Content

Flavi Flavi Ferreira Lisbôa Filho
Débora Flores Dalla Pozza

Abstract

Uruguaiana e Paso de Los Libres são cidades da divisa entre Brasil e Argentina retratadas no documentário Na Fronteira (2015). No audiovisual, a relação entre elas, suas semelhanças e diferenças, é vista pela perspectiva dos habitantes da fronteira. O objetivo deste trabalho é entender como o documentário em questão representa as identidades fronteiriças, por meio da análise documental da cultura (Williams 2003) combinada à análise textual (Casetti e Chio 1999). Para tanto, revisamos as noções de cultura, representação, documentário, fronteira e identidade, e esboçamos uma forma de operacionalizar a análise documental da cultura no estudo das representações em Na Fronteira. Com a pesquisa, vimos que os sentidos apontam para a mescla cultural e integração entre os países, salientando uma identidade binacional fronteiriça, que aproxima, compartilhada entre os habitantes dos dois “lados” da divisa. Esses sentidos constituem uma alternativa à cobertura jornalística sobre fronteira, que privilegia situações de contravenção.

A divisa como conexão: representações da fronteira em documentário

Article Details

How to Cite
Lisbôa Filho, F., & Dalla Pozza, D. (2018). A divisa como conexão: representações da fronteira em documentário. Brasiliana - Journal for Brazilian Studies, 6(1), 44-63. https://doi.org/10.25160/v6.i1/d3
Section
Dossier
Author Biographies

Flavi Flavi Ferreira Lisbôa Filho, Universidade Federal de Santa Maria

Professor do Departamento de Ciências da Comunicação, do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e do Programa de Pós-Graduação Profissionalizante em Patrimônio Cultural da Universidade Federal de Santa Maria. Doutor em Ciências da Comunicação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos. Pesquisador-líder do Grupo de Pesquisa Estudos Culturais e Audiovisualidades.

 

Professor on the Communication Sciences Department, Communication Post-Graduation Program and Cultural Patrimony Post-Graduation Program in Federal University of Santa Maria. PhD in Communication Sciences for University of Vale do Rio dos Sinos. Lead researcher of the Research Group "Cultural Studies and Audiovisuals".

Débora Flores Dalla Pozza, Universidade Federal de Santa Maria

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Comunicação da Universidade Federal de Santa Maria e participante do Grupo de Pesquisa Estudos Culturais e Audiovisualidades. Também atua como servidora técnico-administrativa da instituição, onde é Diretora de Produção da TV universitária.

 

 

     282/5000 Master's student on Communication Post-Graduation Program of the Federal University of Santa Maria and participant in the Research Group "Cultural Studies and Audiovisuals". Also works as technical administrative servant on the institution, where is Production Director of university television channel.

References

Na Fronteira. 2015. Vídeo. Maria Clara Escobar. Canclini, Nestor García. 2003. "Noticias Recientes sobre la Hibridación". Revista Transcultural De Música. http://www.sibetrans.com/trans/trans7/canclini.htm. Candeas, Alessandro Warley. 2005. "Relações Brasil-Argentina: Uma Análise Dos Avanços e Recuos". Revista Brasileira De Política Internacional 148 (1): 178-213. Casetti, Francesco, e Federico Di Chio. 1999. Análisis de la Televisión. Barcelona: Paidós. Gutfreind, Cristiane Freitas. 2006. "O Filme e a Representação do Real". Revista da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação (E-Compós), n. 6. http://www.compos.org.br/seer/index.php/e-compos/article/view/90/90. Hall, Stuart. 1997a. "A Centralidade Da Cultura: Notas Sobre As Revoluções Culturais Do Nosso Tempo". Educação & Realidade 22 (2): 15-46. Hall, Stuart. 1997b. "The Work of Representation". In Representation: Cultural Representations and Signifying Practices, Londres: Sage/Open University. Nichols, Bill. 2005. Introdução ao Documentário. Campinas: Papirus. Nogueira, Ricardo José Batista. 2007. "Fronteira: Espaço De Referência Identitária?". Ateliê Geográfico 1 (2): 27-41. Oliveira, Tito Carlos Machado de. 2015. "Fronteiras de Comunicação: Movimentos, Sentidos e Semblantes.". In Comunicação, Cultura e Fronteiras, 1ª ed., 9-18. Ijuí: Editora Unijuí. Pesavento, Sandra Jetahy. 2002. "Além das Fronteiras". In Fronteiras Culturais, 35-39. Porto Alegre: Secretaria Municipal de Cultura/Ateliê Editorial. Ramos, Fernão Pessoa. 2008. Mas Afinal ... O Que É Mesmo Documentário?. São Paulo: Senac. Silveira, Ada Cristina Machado da. 2012. "A Cobertura Jornalística de Fronteiriços e Favelados – Narrativas Securitárias e Imunização Contra a Diferença". Intercom - RBCC 35 (1): 75-92. Williams, Raymond. 2003. La Larga Revolución. Buenos Aires: Nueva Vision. Woodward, Kathryn. 2014. "Identidade e Diferença: Uma Introdução Teórica e Conceitual". In Identidade e Diferença: A Perspectiva Dos Estudos Culturais, 7-72. Petrópolis: Vozes.